Brasil

Jair Bolsonaro cancela churrasco no Alvorada após repercussão negativa

Ele ainda chamou de "churrasco FAKE", em uma publicação nas redes sociais

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

O presidente Jair Bolsonaro cancelou o churrasco no Palácio da Alvorada neste sábado (9), depois da repercussão negativa pela iniciativa em meio à pandemia do coronavírus. De acordo com o site O Dia, ele ainda chamou de "churrasco FAKE", em uma publicação nas redes sociais, o evento que ele mesmo tinha anunciado na quinta-feira (7).

"Alguns jornalistas idiotas criticaram o churrasco FAKE, mas o MBL se superou, entrou com AÇÃO NA JUSTIÇA", escreveu o presidente neste sábado.

Na quinta-feira (7), ele disse que receberia "uns 30 convidados" no Palácio do Alvorada e que o churrasco seria bancado com "vaquinha" de R$ 70 por pessoa. Conforme, Bolsonaro os convidados ainda fariam uma "peladinha".

O assunto #churrascodamorte esteve entre os mais comentado no Twitter neste sábado (9). Ele recebeu nesta manhã apenas o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, na residência oficial da Presidência.

O presidente desde da decretação do estado de emergência em razão do novo coronavírus, tem tido vários compromissos no fim de semana, que contrariam as recomendações de isolamento social. Em Brasília, ele já visitou o comércio local, causando aglomeração em regiões administrativas e participou de manifestações favoráveis ao seu governo e contrárias ao Congresso Nacional e Supremo Tribunal Federal.