Brasil

Jovem é perseguida e morta a facadas; ex-companheiro é suspeito

Caso aconteceu no Piauí

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Uma mulher de 21 anos foi perseguida e morta a facadas na noite de sábado (31) em Corrente (PI). O ex-companheiro dela, Gilvan Moura Guerra, 42 anos, foi preso suspeito do crime. As informações são do G1 (PI).

O delegado responsável pelo caso, Yure Saulo, informou ao veículo jornalístico que a jovem foi atacada na própria casa.  “A vítima estava sentada e foi golpeada primeiro nas costas, correu, foi perseguida, alcançada por Gilvan, e recebeu outros golpes de faca”, contou.



Gilvan foi localizado e preso, e, de acordo com a Polícia Civil, não informou o que motivou o crime. Ele deve responder por feminicídio.