Brasil

Jovem é presa suspeita de matar bebê no banheiro de hospital após dar à luz

Recém-nascido, de aproximadamente sete meses de idade, foi encontro morto na lixeira com um pedaço de gaze dentro da boca

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um jovem de 18 anos foi presa nesta quarta-feira (20) suspeita de dar à luz e matar o bebê em seguida no banheiro do hospital onde estava internada, em Maracaí (SP). O recém-nascido, de aproximadamente sete meses de idade, foi encontro morto na lixeira com um pedaço de gaze dentro da boca. As informações da TV Tem.

De acordo com a apuração da TV, o hospital informou que a jovem deu entrada na unidade de saúde para uma consulta, onde alegava sentir dores por causa de cólicas menstruais. Ela não falou sobre gravidez e, segundo os funcionários do hospital, ela não aparentava estar grávida.

Antes da consulta, a jovem foi ao banheiro e foi liberada após ser atendida. Em seguida, um funcionário foi até o local e encontrou o bebê morto na lixeira com sinais de enforcamento. Além da gaze na boca do recém-nascido, havia também um pano ao lado da cabeça da criança.

O delegado do caso, Newton Calazans Júnior, disse que a suspeita foi identificada pela tia que entrou em contato com a polícia. A jovem foi presa em flagrante e até o momento não se sabe porque ela escondeu a gravidez e o motivo de ter matado o filho.