Brasil

Jovem é presa suspeita de sequestrar e agredir idoso por seis horas

Ela teria tido ajuda de outros dois homens para realizar a ação

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Uma jovem foi presa neste domingo (29) como suspeita de agredir um idoso durante seis horas enquanto o mantinha em cárcere privado. O crime teria acontecido no início do mês, na cidade de Aragarças (GO).

Foto: Polícia Civil/Divulgação

A Polícia Civil informou ao G1 que o idoso, em seu depoimento, relatou ter sido agredido durante toda a noite pela mulher, de 22 anos, e outros dois homens. Ele foi rendido por volta das 23h e levado até a casa da suspeita. A intenção do grupo era levar o carro dele.

O G1 diz que, as investigações apontam que o idoso fugiu do local por volta das 6h e buscou a polícia para procurar os criminosos.

“Na delegacia, com o que foi contado por ele, mostramos fotos de mulheres que tinham passagem pela polícia e ele a identificou. Pedimos a prisão dela. O mandado saiu na última quarta, e ela estava foragida, sendo localizada neste domingo”, disse o delegado ao G1.



Ainda segundo o oficial, a suspeita irá responder pelo crime de roubo e terá a pena aumentada por manter o idoso em cárcere privado. “Como não houve lesão grave, ela responde por roubo com o aumento por restringir a liberdade da vítima. Ela foi levada para o presídio feminino de Israelândia. Mas ainda vamos ouvi-la na delegacia nesta segunda”, disse.

Os outros dois suspeitos ainda não foram localizados.