Brasil

Jovem morre após levar 'gravata' de segurança em supermercado; veja vídeo

De acordo com o supermercado, a medida foi tomada por uma "tentativa de furto a arma" de um dos seguranças

Agência, O Globo

Um jovem de 19 anos morreu após levar uma "gravata" de um segurança no supermercado Extra, no Rio de Janeiro. A ação aconteceu no início da tarde da última quinta-feira (14). De acordo com o Corpo de Bombeiros, ele foi identificado como Pedro Gonzaga. O jovem chegou a ser levado com uma parada cardiorrespiratória para o Coordenação de Emergência Regional (CER) da Barra, mas morreu na unidade.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento em que um dos seguranças dá a gravata no rapaz. Na cena, em que ele aparentemente está desacordado, algumas testemunhas chegaram a afirmar e alertar os seguranças: "está sufocando ele", disse uma delas. "Ele está roxo", falou outra.



No registro, uma mulher pede para que ele seja solto: "não está armado". Há outros seguranças no local. Em outro vídeo também é possível ver bombeiros socorrendo o jovem. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o socorro foi acionado às 12h47m.

Seguranças foram afastados

Por meio de nota, o supermercado Extra afirmou que a ação do segurança foi uma reação a uma "tentativa de furto a arma de um deles":

"A rede esclarece que repudia veemente qualquer ato de violência em suas lojas. Sobre o fato em questão, a empresa já abriu uma investigação interna e constatou de forma inicial que se tratou de uma reação a tentativa de furto a arma de um dos seguranças da unidade da Barra da Tijuca", diz um trecho do comunicado, que prossegue:

"Após o indivíduo ser contido pelos seguranças, a loja acionou a polícia e o socorro imediatamente. A empresa já abriu um boletim de ocorrência e está contribuindo com as autoridades para o aprofundamento das investigações", finalizou a empresa.