Brasil

Ladrão de calcinhas é preso com mais de mil peças; ele usava uma ao ser detido

Ele já tinha sido preso em 2015 com 301 peças

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Um homem de 41 anos foi preso com 1.045 peças íntimas femininas escondidas no quarto de casa. A Polícia Militar contou ao G1 Minas que as roupas eram furtadas de lojas, varais e cercas e que ele usava uma das peças no momento que a abordagem foi feita. O homem foi preso na cidade de Turmalina (MG).

Foto: Polícia Militar/Divulgação

A PM ainda informou ao G1 que as mil calcinhas e os 45 sutiãs estavam espalhados por diversos locais do quarto. Ele já tinha sido preso anteriormente em Capelinha, cidade vizinha a Turmalina, pelo roubo de 301 peças íntimas.



O tenente André Dale disse ao G1 que várias mulheres fizeram reclamações à polícia sobre peças íntimas furtas, mas que muitas não registravam boletim de ocorrência por medo, receio ou vergonha. O suspeito foi levado para a delegacia, mas não deu maiores detalhes sobre os crimes