Brasil

Mãe do empresário Luciano Hang, dono da Havan, morre vítima da covid-19

Ela foi internada em dezembro e 2020 e apresentou complicações em decorrência da doença

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

A mãe do empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, morreu nesta quarta-feira (3), em decorrência das complicações da covid-19 (novo coronavírus). Regina Modesti Hang tinha 82 anos e estava internada desde dezembro no hospital Prevent Sênior, na Zona Sul da capital paulista. As informações são do G1 São Paulo.

Luciano Hang também foi contaminado pelo novo coronavírus e chegou a ficar internado no mesmo hospital que a mãe, mas recebeu alta 20 de janeiro.

"Dona Regina sempre esteve ao lado do filho, presente nas inaugurações e nos momentos mais importantes destes quase 35 anos de história de Havan. Era nossa “cliente número 1”, a primeira a comprar em cada filial inaugurada pelo Brasil. Cozinheira de mão cheia, todas as terças-feiras fazia questão de cozinhar, recepcionar a família e os convidados da Havan", diz nota da Havan sobre a morte de Regina.

Nas redes sociais, o empresário lamentou o falecimento da mãe.

"A dor de perder uma mãe é inexplicável, é um buraco enorme que se abre no peito, mas logo será preenchido por saudades e boas lembranças dos momentos únicos que compartilhamos juntos", escreveu Hang.