Brasil

Mãe e filha são vítimas de estupro coletivo após marcar encontro pela internet

Durante uma festa, as mulheres teriam sido estupradas por três homens

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

Neste fim de semana, uma mulher, de 34 anos, e a filha, de 19, foram vítimas de estupro coletivo após a adolescente marcar de encontrar com o namorado, que só tinha contato pela internet. O caso aconteceu no  Distrito de Santa Elvira, no Mato Grosso. As informações são do G1 Mato Grosso. 

De acordo com a Polícia Civil, sete pessoas são suspeitas de envolviment no crime. Três deles foram autuados em flagrante por estupro, importunação sexual, lesão corporal e corrupção de menores. Os outros prestaram depoimento e foram liberados. 

Entre os suspeitos autuados, um deles era o que mantinha um relacionamento pela internet com a jovem de 19 anos. 

Segundo a polícia, as vítimas tinham ido passar o fim de semana no local. Durante uma festa, as mulheres teriam sido estupradas por três homens. 

Na ocasião, ocorreu até agressão a uma das vítimas. 

Conforme o delegado Ricardo Franco, a ocorrência é considerada grave e exigiu um trabalho minucioso nas oitivas para esclarecimento dos crimes. O caso continua sendo investigado.