Brasil

Marido é suspeito de matar mulher com 20 facadas no Distrito Federal

Maria Regina Araujo, de 44 anos, foi atingida nas costas e no pescoço

Agência O Globo
Uma mulher foi morta com 20 golpes de faca na noite deste domingo em Itapoã, no Distrito Federal, informou a Polícia Militar nesta segunda-feira. O autor do crime foi identificado como o marido da vítima, Eduardo Gonçalves de Souza, que fugiu. O caso foi registrado na 6ª DP (Paranoá) como feminicídio, segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil.
Foto: Reprodução
Maria Regina Araujo, de 44 anos, foi atingida nas costas e no pescoço. O Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrer a vítima, mas ao chegar à Quadra 1 do conjunto B da Fazendinha, a vítima já estava morta. A filha do casal, de 8 anos, estava na residência no momento em que a mãe foi atacada.

O crime ocorreu por volta das 21h de domingo. A equipe de plantão da delegacia foi ao local para realizar a perícia. A motivação do feminicídio ainda é desconhecida. Agentes realizam diligências na manhã desta segunda-feira para capturar o suspeito. Pessoas próximas à família estão sendo ouvidas pelos investigadores.

Segundo a Polícia Militar do DF, os bombeiros contaram 20 facadas no corpo da vítima. O marido de Maria Regina ainda não foi localizado.