Brasil

"Melhor filha do mundo", diz pai sobre estudante que teve mal súbito e morreu em universidade

A estudante tinha miocardiopatia hipertrófica, uma doença cardíaca de origem genética, e tomava medicação diária por conta disso

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

A estudante Mônica Machado, de 18 anos, que sofria de uma doença cardíaca, morreu na tarde de quinta-feira (19) após sofrer um mal súbito na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Em entrevista ao site 'G1 Rio Grande do Sul', os familiares afirmaram que a jovem estava feliz por ter passado no vestibular para o curso de engenharia de telecomunicações.


“Era a melhor filha do mundo. Nunca me deu desgosto na vida, nunca precisei mandar ela estudar, nada. Tanto que a gente ligou para ela pouco antes da meia-noite, horas antes de ela morrer, e ela estava estudando. Me dava muito orgulho. A última coisa que eu disse para ela foi 'eu te amo', com vários 'ô' no final. E ela disse que também”, contou o pai emocionando ao site. A jovem morava na cidade de Uruguaiana e se mudou em fevereiro para estudar em Santa Maria.

Mônica tinha miocardiopatia hipertrófica, uma doença cardíaca de origem genética, e tomava medição diária por conta disso

Segundo a reportagem, Mônica tinha saído de uma aula da faculdade e estava indo para o restaurante universitário quando passou mal e caiu no chão. Duas mulheres e um vigilante da universidade ajudaram no socorro. Segundo os médicos, ela passou mal e sofreu uma parada cardiorrespiratória.


A estudante tinha miocardiopatia hipertrófica, uma doença cardíaca de origem genética, e tomava medicação diária por conta disso. Por causa do problema, ela não podia fazer grandes esforços. "Ela não sentia cansaço, não tinha reclamado disso. Só que a nossa cidade é plana, ela não precisava fazer subidas e descidas. Acho que isso pode ter piorado em Santa Maria, o fato de ter que subir e descer escada. Mas a universidade fez muito bem a ela. Tenho certeza que iria concluir o curso. Não conseguiu por causa disso", lamenta Claudio.


Mônica foi sepultada na tarde desta sexta-feira (20).