Brasil

Menina de 12 anos é estuprada e mantida em cárcere após marcar encontro por rede social

"Ela está muito abalada, tentando superar", contou a tia da vítima

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

No último sábado (4), uma menina de 12 anos foi resgatada pela polícia após passar cinco dias desaparecida. O caso aconteceu em Itumbiara, no sul de Goiás. De acordo com informações do delegado responsável pela investigação do caso ao G1 GO, a jovem foi estuprada e mantida em cárcere privado.

Conforme o G1 Goiás, a jovem havia marcado um encontro com um homem, que se passou por um garoto de 14 anos, através das redes sociais.

A polícia encontrou ela na casa de um casal, que foi preso em flagrante. Antes de acionar a polícia, os familiares da menina já estavam procurando por ela desde o dia 30 de dezembro. Ainda segundo o G1 GO, os familiares encontram conversas da menina com um homem e uns cinco perfis falsos nas redes sociais dela.



"Duas primas começaram a pesquisar e encontraram esse suspeito que só tinha amigos com idade na faixa etária dela. Acharam ele suspeito e começaram a filtrar. Conseguiram recuperar o aplicativo de mensagens dela e viram as conversas. Foi aí que a encontramos", contou a tia da menina ao G1.

A tia também explicou que a jovem está fazendo acompanhamento com psicólogos. "Ela está muito abalada, tentando superar".