Brasil

Menino de 12 morre após comer biscoito envenenado por duas adolescentes

Caso fique provado em exames e laudo pericial, a presença do veneno nos biscoitos, o caso será considerado um homicídio

Da Redação (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em
Um menino de 12 anos, estudante de uma escola no bairro da Muribeca, no município de Jaboatão dos Guararapes, morreu depois de comer três a quatro biscoitos com chumbinho. O fato aconteceu na semana passada, quando, durante o intervalo das aulas, o menino comeu um pacote de biscoito de duas meninas, uma de 13 e outra de 14 anos, que deveria ser entregue a outras meninas com o veneno clandestino para rato.

Depois de ingerir o alimento, a criança começou a se queixar de dores na barriga, durante uma aula. Em casa, ele já apresentava sintomas mais graves como palidez e com batimentos cardíacos acelerados. Ele já chegou sem vida ao hospital.

O caso está sendo investigado na delegacia da Gerência de Proteção à Criança e Adolescente (GPCA). As adolescentes aguardam a decisão da Justiça, já que não houve flagrante, mas confessaram ter colocado o veneno no biscoito. Elas queriam se vingar de duas colegas. Caso a justiça determine, as adolescentes podem cumprir até três anos de medidas socioeducativas.

Caso fique provado em exames e laudo pericial, a presença do veneno nos biscoitos, o caso será considerado um homicídio.