Brasil

MPF pede R$ 16 mi da Globo por 'tabaco e álcool' em novela infantil

Procurador quer que, além do valor, emissora exiba anúncios com "contraponto crítico" ao consumo de álcool e tabaco

Redação iBahia (variedades@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O Ministério Público Federal entrou com uma ação civil pública contra a Globo, por conta da novela 'Meu Pedadinho de Chão', segundo informou a colunista Monica Bergamo, da 'Folha de São Paulo', nesta terça-feira (26). 

Juliana Paes em cena de 'Meu Pedacinho de Chão', exibida em 2014

A ação é por dano moral coletivo em virtude da "veiculação de novela de interesse do público infantil contendo cenas de consumo reiterado e explícito de tabaco e álcool, em contextos que promovem seu consumo sem referência a seus efeitos danosos".

De acordo com a publicação, o MPF pede R$ 16 milhões da emissora. Em 2014, quando a trama foi ao ar, foi aberto um inquérito que agora embasa a ação. O procurador Felipe Fritz quer que, além do valor, a emissora exiba anúncios com "contraponto crítico" ao consumo de álcool e tabaco.

Procurada pela colunista, a TV Globo afirmou que não foi notificada até o momento sobre a ação.