Brasil

Nova liminar impede posse de Lula

Liminar que suspende posse veio da primeira instância da Justiça Federal em Assis (SP)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
O cenário de instabilidade política se repete nesta sexta-feira (18). Após ter uma liminar que impedia a sua posse derrubada no início da tarde, a primeira instância da Justiça Federal em Assis (SP) voltou a suspender a posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como ministro da Casa Civil. A Advocacia-Geral da União (AGU) anunciou que vai recorrer.
(Foto:Divulgação)
Segundo o vice-presidente do Tribunal Regional Federal (TRF) da 2ª Região, desembargador Reis Friede, responsável por derrubar a liminar de primeira instância do Rio, a Justiça de primeiro grau não tem poderes para decidir nesse tipo de pedido, “uma vez que este impugna ato privativo de Presidente da República, o qual deve ser apreciado pelo Supremo Tribunal Federal”.Segundo o jornal O Globo, a AGU já entrou com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo para que as mais de 50 ações espalhadas por todo o país pedindo a suspensão da posse de Lula sejam suspensas.