Brasil

Padrasto agride adolescente de 13 anos durante aula online

Nas imagens, é possível ver o homem discutindo com o garoto, puxando-o da frente do computador

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um homem está sendo investigado após ser gravado durante uma aula online agredindo o enteado de 13 anos de idade. O caso aconteceu na cidade de Erechim (RS) e as imagens das agressões viralizaram na internet. As informações são do G1 Rio Grande do Sul.

Nas imagens, é possível ver o padrasto discutindo com o garoto, puxando-o da frente do computador. Em seguida, o menino volta a sentar e o homem puxa o cabelo do adolescente. O caso está sendo apurado pela Polícia Civil e o Ministério Público em sigilo, por se tratar de menor de idade. O Conselho Tutelar orienta que o vídeo não seja compartilhado.

A escola denunciou o caso ao Conselho Tutelar e avisou a mãe do adolescente sobre a agressão, que registrou uma ocorrência na internet no dia seguinte e a polícia civil abriu o inquérito.

De acordo com a apuração do G1, a mãe do menino e o padrasto serão chamados para depor. Procurada pelo G1, a escola não quis se manifestar sobre o caso.

"O Ministério Público está investigando de forma aprofundada os fatos, tanto na seara da infância e da juventude, buscando tutelar os direitos do adolescente vítima, tanto na seara criminal, acompanhando a apuração dos fatos visando a responsabilização do agressor no âmbito criminal", explicou o Ministério Público em nota enviada ao G1.