Brasil

Pai de Santo é preso suspeito de estuprar quatro mulheres: 'rasgava roupas e estuprava'

De acordo com a polícia, os abusos aconteciam durante os rituais

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

Nesta quinta-feira (17), um pai de santo, de 78 anos, foi preso suspeito de cometer estupros durante rituais umbandistas em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A Polícia Civil, que investiga o caso desde maio deste ano, já identificou quatro vítimas, com idades entre 23 e 37 anos. 

De acordo com a polícia, uma das vítimas denunciou o caso pessoalmente na Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), em Contagem. Em depoimento, ela disse que procurou o centro de umbanda porque tinha a intenção de ser curada espiritualmente devido a problemas familiares. 

“Segundo a vítima, quando chegou ao local marcado pelo suspeito, ele informou que, para que ela pudesse ser curada, ela precisaria passar por um banho de ervas. O homem, então, rasgou as roupas íntimas dela e começou a passar a mão em todo seu corpo, inclusive na área genital”, contou a delegada responsável pelo caso, Mellina Isabel Silva Clemente.

A vítima contou que o homem falava que ela precisaria ter prazer para que pudesse ser curada dos males. “Na delegacia, ainda recebemos outras três vítimas que relataram a mesma situação de abuso, tendo, inclusive, uma delas tentado suicídio por conta do fato ocorrido”, relatou a delegada.