Brasil

Pai é acusado de amputar dedo do filho de 3 anos que ficou com a mão presa em carrinho

A criança passou por uma cirurgia para cobrir o osso exposto.

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um homem é considerado suspeito de ter amputado o dedo do filho de 3 anos de idade após ele ficar com a mão presa em um carrinho de bebê. O caso aconteceu na zona rural de Araçatuba (SP) neste domingo (16). As informações são do G1 São José do Rio Preto e Araçatuba.

De acordo com a apuração do G1, o hospital onde a criança foi atendida relatou à polícia que a criança deu entrada na unidade de saúde com a informação que ela teria prendido o dedo anelar da mão direito no carrinho de bebê. Então, o pai cortou o dedo do filho com um objeto cortante.

Ainda segundo a apuração do G1, um representante do hospital registrou um boletim de ocorrência na polícia com lesão corporal gravíssima. A criança passou por uma cirurgia para cobrir o osso exposto.