Brasil

Pastor evangélico é preso suspeito de abusar sexualmente de adolescentes em 'lugar santo'

"Ele a ameaçou, dizendo que a mataria se ela falasse pra alguém", diz o boletim de ocorrência sobre um dos casos de abuso

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um pastor evangélico, de 49 anos, foi preso por suspeita de abusar sexualmente de adolescentes na última quinta-feira (25). De acordo com informações da Polícia Civil do Distrito Federal cedidas ao G1 DF, os crimes sexuais aconteciam em um local de oração, conhecido como 'monte' pelos fiéis, em Ceilândia e Brazlândia.

Ainda segundo o G1 DF, Mosaniel Mesquita da Conceição exercia a função de auxiliar de pastor em duas igrejas, mas era tratado como pastor pelos frequentadores. O suspeito chegou a ser identificado por três vítimas que, na época, tinham entre 11 e 13 anos.

Foto: divulgação / Polícia Civil
Mosaniel Mesquita foi preso em casa, na cidade de Brazlândia, pelos policiais da 24ª Delegacia de Polícia. Ele teve prisão temporária, pelas acusações de estupro, decretada pela 2ª Vara Criminal de Ceilândia.

No boletim de ocorrência, uma das vítimas relatou a polícia que foi abusada durante uma oração individual em uma área de matagal. "Ele a ameaçou, dizendo que a mataria se ela falasse pra alguém", diz a ocorrência.

De acordo com as informações do G1, a jovem, que na época tinha 13 anos, teve as vestes arrancadas e foi estuprada no 'monte'. Ela só conseguiu denunciar o caso para família quatro anos após o ocorrido, no ano passado.

Mosaniel Mesquita também será investigado pela suspeita de abusar sexualmente da sobrinha e de outros adolescentes.