Brasil

Petrobras confirma controle de vazamento em plataforma da Bacia de Campos

O incidente chegou a interromper a produção de petróleo e gás no início da noite passada

Agência Brasil
- Atualizada em

A Petrobras confirmou há pouco que o vazamento de gás ocorrido ontem (14) em uma linha de transmissão da plataforma P-40, no campo de Marlim Sul, na Bacia de Campos, a aproximadamente 110 quilômetros da costa do Rio de Janeiro, está identificado e totalmente controlado. O incidente chegou a interromper a produção de petróleo e gás no início da noite passada.

Por meio de nota, a Petrobras esclareceu que todas as providências foram tomadas, o vazamento foi rapidamente controlado e a equipe que trabalhava na plataforma permaneceu em total segurança. “O reparo da produção já foi concluído e a produção está em processo de normalização”. A companhia disse ainda que o vazamento já foi comunicado às autoridades e a Petrobras constituirá uma comissão para identificar as causas do acidente.

De acordo com o Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro-NF), o problema ocorreu após problemas no sistema automatizado, que provocou o vazamento de gás. Segundo o diretor de Comunicação do Sindipetro-NF, Tezeu Bezerra, o sindicato orientou os trabalhadores a exercerem o “direito de recusa”, caso algum deles se sentisse inseguro para fazer uma intervenção ou manobra. A plataforma P-40 produz diariamente 7,3 mil metros cúbicos de petróleo e 800 mil metros cúbicos de gás.