Brasil

Polícia investiga morte de jovem que teve cabeça decapitada e jogada na rua

Moradores do bairro Parque Presidente Vargas viram o momento em que a cabeça foi jogada na rua

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

Moradores do bairro Parque Presidente Vargas, na cidade de  Campos dos Goytacazes (RJ), presenciaram um homem em uma moto jogar um saco plástico no meio da rua com uma cabeça humana dentro. A cabeça foi identificada por familiares como de Guilherme Gomes Bravo. A informações são do jornal O Dia. 

A Polícia Civil de Campos está investigando o assassinato de Guilherme e ainda estão buscando o corpo. Os parentes do jovem chegaram a interditar brevemente a BR-101, próximo à região do crime, para cobrar uma solução para o caso, na segunda-feira (10). 

Em contato com o jornal, os familiares do jovem, ele estava na casa da avó, no Parque Aeroporto, e de lá foi visitar uma tia. Ao voltar para a casa da avó, percebeu que havia deixado o celular para trás. Guilherme voltou ao local de bicicleta para buscar o aparelho, mas não chegou lá. 

A investigação cogitou a possibilidade da assassinato ser uma revanche entre facções, mas a família do jovem diz que ele foi morto por engano. A polícia confirmou ao 'O Dia' que Guilherme não tinha antecedentes criminais.