Brasil

Políticos e personalidades repercutem a morte de Duda Mendonça

Marqueteiro político estava internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, para tratar um câncer no cérebro

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Políticos e personalidades prestaram homenagens ao publicitário Duda Mendonça, que morreu nesta segunda-feira (16), aos 77 anos. O marqueteiro político estava internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, para tratar um câncer no cérebro.

Confira a repercussão:


Rui Costa, governador da Bahia pelo PT

"Lamento a morte do baiano Duda Mendonça. Publicitário que teve o seu talento reconhecido no Brasil e no mundo. Meus sentimentos para familiares e amigos".

Nizan Guanaes, publicitário

"Eu comecei a minha carreira como estagiário do Duda Mendonça. E ele me ensinou a falar com o povão, o que sabia fazer como ninguém. Cunhou frases que fazem parte da cultura do Brasil e que viraram expressão popular, como: não basta ser pai, tem que participar. RIP [sigla em inglês para "descanse em paz"] seu Duda".

José Dirceu, ex-ministro

"Um dia de tristeza e dor pela morte meu amigo Duda Mendonça, sempre presente e solidário nos momentos mais duros e difíceis que passamos”. Dirceu definiu Mendonça como um “publicitário genial, criativo, inovador, um dos maiores do nosso Brasil, responsável pela campanha na TV e rádio, que sabia fazer como ninguém, vitoriosa de Lula em 2002, mas principalmente amigo e companheiro", afirmou em nota.