Brasil

Regina Duarte pede, e ministro demite reverenda Jane da Secretaria Especial da Cultura

Ainda nesta manhã, Jane se reuniu com os secretários para informar que deixará a pasta. Ela foi alçada ao cargo no último dia 23

Por Naira Trindade, da Agência O Globo

Duas semanas após convidar a reverenda Jane Silva para ser secretária-adjunta da Cultura, a atriz Regina Duarte decidiu exonerar a subordinada. Nesta sexta-feira (7), Regina pediu que Jane deixasse o cargo, e foi atendida pelo ministro do Turismo, Marcelo Alvaro Antonio. Ainda nesta manhã, Jane se reuniu com os secretários para informar que deixará a pasta. Ela foi alçada ao cargo no último dia 23.

Foto: reprodução
A assessoria do Ministério do Turismo alegou que a demissão foi uma decisão do chefe da pasta. Ainda não há nenhuma definição sobre quem irá ocupar o cargo.

A informação de um eventual desentendimento entre Regina e Jane foi publicada pelo jornal "Folha de S.Paulo". O mal-estar teria ocorrido porque Jane estaria passando por cima das decisões de Regina. A atriz foi procurada pela reportagem, mas disse que não comentaria a demissão.



Na quinta-feira, Regina Duarte conversou com integrantes do governo para justificar sobre o atraso na própria nomeação. Ela afirmou que ainda não conseguiu fechar um acordo sobre o desligamento da Rede Globo.

Regina disse “sim” ao governo há uma semana, mas afirmou que está nos “proclamas”. Segundo aliados do governo, Regina explicou que o contrato com a Globo se encerra em junho e tenta um acordo. Enquanto isso, a atriz está em São Paulo e não está trabalhando na Secretaria de Cultura.