Brasil

Repórter da Globo é expulso por policial durante transmissão ao vivo; veja o vídeo

Pedro Figueiredo estava ao vivo de Barcelona no Jornal Hoje

Redação Correio 24h

O repórter da Globo Pedro Figueiredo ouviu reclamação de um policial e foi expulso do local em que falava ao vivo com o apresentador Donny de Nuccio, do Jornal Hoje, na quinta-feira (17).

De férias em Barcelona, o jornalista entrou ao vivo pela internet para falar do atentado terrorista que deixou 13 mortos e cerca de 50 feridos na cidade espanhola.

"Oi, Donny. Estou aqui na praça de La Universidad, que fica mais ou menos a 250 metros da praça da Catalunya, onde aconteceu esse atentado. A gente está aqui, acompanhando...", afirmou, quando foi interrompido por um policial. O agente colocou a mão na câmera e pediu que ele deixasse o local.

As imagens então foram cortadas para o estúdio do JH, em São Paulo, e De Nuccio disse apenas que "perdeu o contato" com o correspondente. Figueiredo ressurgiu depois na Globo News e contou que o policial tentou tirar o celular da sua mão durante a transmissão.

De Nuccio usou o Twitter para dizer porque não explicou exatamente o que havia acontecido. "Não soubemos na hora. E infelizmente era final do jornal. Foi um policial que interrompeu a transmissão. Nosso repórter está bem", finalizou.

Veja o vídeo: