Brasil

'Vão me matar e dizer que eu me suicidei', afirma mulher que acusa Neymar de estupro

Em entrevista dada nesta quinta-feira, a modelo disse temer pela sua vida

Agência O Globo
- Atualizada em

A modelo Najila Trindade, que acusa Neymar de estupro, teme pela sua vida. Nesta quinta-feira, em entrevista ao "BuzzFeed News", a modelo, de 26 anos, acredita que algo poderá acontecer com ela.

Foto: Reprodução/SBT

- É mais fácil me incriminar como puta e fim, arquivar o caso. Esse mundo é uma merda. E sabe o que vai acontecer? Vão me matar e dizer que eu me suicidei, que estava mentindo e vida que segue. Mulheres continuarão a ser estupradas, violadas, violentadas e tratadas como lixos - desabafou.

Em entrevista ao "SBT", na quarta-feira, Najila Trindade reafirmou que foi agredida e violentada pelo jogador do PSG. Neymar e seus representantes, porém, negam o episódio e dizem ser vítimas de extorsão.

- Estou com muitos problemas emocionais, pressões. Minha vida está do avesso. Não como, não durmo e todo mundo me exige entrevistas - desabafou.