Brasil

Victor Chaves vira réu em ação sobre suposta agressão contra a mulher

O processo corre em segredo de Justiça e, por isso, não é possível divulgar qual a contravenção penal que o MP o denunciou

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

O cantor Victor Chaves, da dupla Victor & Léo, agora é réu em processo por contravenção penal. Segundo informações do 'G1', a Justiça de Minas Gerais aceitou denúncia do Ministério Público de Minhas Gerais (MPMG). O músico foi indiciado pela Polícia Civil por vias de fato contra a mulher dele, Poliana Bagatini Chaves.

O processo corre em segredo de Justiça e, por isso, não é possível divulgar qual a contravenção penal que o MP o denunciou. 

Cabe lembrar que, na semana passada, o sertanejo publicou um vídeo em uma de suas redes sociais se posicionando sobre o ocorrido. Na ocasião, ele destacou que não agrediu ninguém e que tomou uma atitude desesperada. "Pessoal, eu venho a público para esclarecer uma coisa de diante da qual surgiram e surgem incontáveis boatos. Eu fui indiciado legalmente, por vias de fato: contravenção. Ou seja, eu não machuquei ninguém. O que eu pratiquei foi um ato de desespero para conter uma pessoa que estava completamente fora de si de pegar uma criança de 1 ano. E pela minha filha o que eu fiz eu faria de novo. Então tudo está sendo apurado devidamente", disse.

Entenda o caso
No dia 24 de fevereiro, Poliana registrou um boletim de ocorrência contra o marido. A confusão teria ocorrido após um desentendimento entre a mulher e Victor, após ele ter levado a filha do casal para casa da mãe sem ter informado à esposa.

Dois dias depois, ela publicou um texto em uma rede social dizendo que, na verdade, brigou com a sogra e Victor apenas tentou contê-la. Depois do acontecido, o sertanejo foi afastado da segunda temporada do programa The Voice Kids, do qual era jurado. No domingo (12), pela primeira vez a atração foi exibida ao vivo e o público comentou a ausência do sertanejo.