Brasil

Vídeo de câmera de segurança mostra início da ação de atiradores em escola de Suzano

O primeiro a aparecer no registro seria Guilherme, que entra pelo portão com um caderno nas mãos, vira de costas, joga o caderno no chão, saca a arma e dispara contra as vítimas

Ana Carolina Torres, Hellen Guimarães e Rafael Nascimento, da Agência O Globo

Um vídeo gravado por câmeras de segurança mostra com detalhes o momento da entrada e o início da ação dos atiradores na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo. Na manhã desta quarta-feira (13), Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25, mataram cinco colegas, duas funcionárias da escola, um dono de uma concessionária da região e cometeram suicídio em seguida.

Foto: Reprodução
Nas imagens, é possível ver um várias pessoas conversando no hall do colégio, em frente ao que parece uma secretaria. O primeiro a aparecer no registro seria Guilherme, que entra pelo portão com um caderno nas mãos, vira de costas para o grupo, joga o caderno no chão, saca a arma e dispara contra as vítimas. Três delas caem — dois alunos à frente e uma das funcionárias no corredor, ao fundo. Os demais conseguem fugir.


O atirador, então, desce as escadas e sai da cena. Em seguida, o segundo aparece nas imagens. Luiz entra na escola carregado com mochilas e armamentos. Ele deixa o arco e flecha no chão e atinge várias vezes a machadadas os colegas e a funcionária já caídos.

Em seguida, no primeiro plano, uma menina aparece fugindo, enquanto uma funcionária que estava escondida na secretaria aproveita a distração de Luiz para levantar e tenta fugir. A menina é agarrada pelo agressor, que bate nela e tenta segurá-la. Neste momento, dezenas de alunos correm em direção ao portão, o que o distrai e permite que ela fuja. Luiz, então, recorre à mochila e fica atordoado, tentando atingir o máximo de alunos possível.

Ao fim do vídeo, Luiz chega a conseguir agarrar um menino no meio do hall e outros dois colegas já no portão, mas os três se desvencilham. Ao perceber que não está conseguindo capturá-los, desce correndo as escadas na mesma direção que o primeiro agressor.