Brasil

Vídeo: vigilante de farmácia mata morador de rua e gera revolta na web

Suspeito começa a agredir o homem, que estava no local pedindo esmola. Após deixá-lo encurralado contra uma grade, o autor do crime lhe desfere socos

Agência O Globo
- Atualizada em

Um homem em situação de rua foi morto por um vigilante de uma farmácia, na Praça da Bíblia, em Goiânia, na noite desta terça-feira (15). Agentes da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH) de Goiás realizam diligências para localizar o autor do homicídio, identificado como Selmar Pereira Silva, 46 anos, vigilante.

Foto: Reprodução
Imagens divulgadas pela Polícia Civil do estado mostram uma discussão entre o vigilante e o morador de rua em frente à farmácia por volta das 21h.

Em determinado momento, Selmar começa a agredir o homem, que estava no local pedindo esmola. Após deixá-lo encurralado contra uma grade, o autor do crime lhe desfere socos. Em seguida, retira da calça uma faca e golpeia o peito da vítima, que consegue ficar de pé por apenas alguns instantes.
Foto: Reprodução
Além do vídeo registrado por câmeras de segurança, os investigadores também contam com os relatos de testemunhas. Uma mulher próxima do vigilante e da vítima chegou a também gravar imagens da cena, enquanto tentava impedir que algo grave ocorresse.

O caso ganhou repercussão em Goiânia e vem movimentando as redes sociais. Internautas estão demonstrando revolta diante da atitude do vigilante em matar um homem em situação de rua.

"Só estava aguardando a moça comprar o leite pra ele", disse uma usuária do Facebook.

"Drogaria deve ser responsabilizada por contratar um louco pra matar pessoas por estarem em situação de rua", afirmou outra pessoa.

"Um desrespeito ao ser humano, só porque o cara pedia na porta! Não é melhor pedir que roubar?", frisou mais um internauta.

Veja vídeo: