Carnaval

Claudia Leitte comemora dez anos de carreira nesse Carnaval

Cantora fala sobre a relação com o público LGBT, nova música com Pitbull, participação na folia e ausência de Ivete Sangalo

Naiana Ribeiro, do Correio 24 Horas (naiana.ribeiro@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Uma das estrelas da folia promete brilhar ainda mais no Carnaval deste ano. Esbanjando alegria e saúde, a carioca de alma baiana Claudia Leitte, 37 anos, comemora os dez anos de carreira solo em cima do trio ao lado do público. Para completar a festa, a musa traz o single Carnaval, lançado nesta sexta-feira (26) em parceria com o rapper Pitbull. Ele, inclusive, será um dos convidados da musa na folia de Salvador. As sertanejas Maiara e Maraisa também invadem a avenida ao lado da loira. 

“Nosso Carnaval vai ser um momento de transformação mágico. Quero que sintam a força e a energia de um novo ciclo. É como se um novo ano estivesse começando”, disse a cantora, que pediu para o público ir vestido de branco - cor base dos figurinos e cenários com temática “saúde”.


O tema alerta para importância dos cuidados com a saúde física e mental do corpo, além de ser uma homenagem ao bairro da Saúde, em Nazaré, onde Claudinha foi criada. “Depois de um trabalho, encontrei minha mãe e ela estava bem mais magra. Era algo que ela queria, ter hábitos saudáveis. Foi aí que eu pensei que, muitas vezes, temos tanta coisa para fazer que a gente acaba não enxergando a caminhada que foi para alcançar nossos objetivos e esquecemos nossas raízes. Sempre soube das minhas raízes e essa foi uma forma de homenagear o lugar de onde vim. Lá, ouvia o Olodum tocando e cresci indo nos ensaios do Pelourinho. Saúde é o começo de tudo: é o meu lugar e também o que nos sustenta na vida”, explicou, em entrevista exclusiva ao CORREIO, enquanto terminava de comer um prato de macarrão. Tudo, segundo ela, “pra aguentar a correria”, após passar 16 horas em estúdio gravando o The Voice Kids, reality show da TV Globo do qual é jurada.

Correria essa que a cantora Ivete Sangalo, grávida de gêmeas e longe da folia baiana, precisou se afastar nessa reta final da gravidez. “Ela vai fazer falta”, diz Claudia, destacando que esse momento  que Ivete vive é de muita alegria e emoção. “Mas tenho certeza que ela vai dar um jeito de estar entre nós. De qualquer forma, Ivete está na música  - nos nossos repertórios - e no clima alegre. Ela é pura alegria”, afirma.

Saúde

Para manter a saúde em dia, a artista - que é mãe de dois meninos - procura manter uma alimentação equilibrada - o que inclui consumo de carboidratos – além de uma rotina de exercícios para a mente e para o corpo, que mantêm graças a uma personal trainer. “A mente é um campo de batalha. Tenho muita fé e acredito em Deus. Devo muito a ele e peço que sempre ilumine meus pensamentos”, conta ela, que procura não se importar com a opinião dos outros quando o assunto é saúde. “Considero essencial ter objetivos próprios associados à felicidade. Vivo o agora: a gente precisa ser feliz agora, se exercitar agora e se cuidar agora”, defende. 

Questionada sobre uma possível cobrança da sociedade para manter corpo, cabelo e pele impecáveis, ela diz não se sentir pressionada, mas admite ser difícil alcançar essa ‘persona’ que ela mesma criou: “É uma luta diária. Sei que preciso manter essa rotina, por mim. Gosto de me cuidar e maquiar para ser a ‘Claudia Leitte’. Mas tenho consciência de que é preciso tomar cuidado com essa questão do corpo, principalmente em um mundo em que pessoas se pressionam tanto”. 

Repertório

Fazendo jus ao título de nome do axé mais executado nas rádios brasileiras em 2017, Claudia apresentará cerca de 300 músicas em cima do trio elétrico. Entre elas, o sucesso Lacradora, além dos singles anteriores Taquitá e Baldin de Gelo, que soma mais de 25 milhões de visualizações no YouTube.

Terá ainda a participação do colombiano Beto Perez, criador da Zumba. “Acredito que a música e a dança transformam e trazem alegria. Minha estreia na avenida, na abertura do Carnaval, vai ser um aulão de zumba”, antecipa a cantora. Pitbull se apresenta com a musa na quinta-feira (8), quando ela abre a pipoca no circuito Barra-Ondina, e na sexta (9), no trio elétrico Blow Out: “Ele vai querer voltar todo ano. No trio, ele vai cantar  músicas próprias e nós vamos cantar juntos Carnaval”.

Escrita pelo americano e um time de compositores, a música em inglês e espanhol é a aposta da Claudia para o Verão. Nela, há ritmos brasileiros, como samba, além de hip hop, eletrônico e outros ritmos latinos - isso acontece na referência à música folclórica El Carnavalito, tradicional em países como Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia e Peru.  “É uma mistura de Brasil com Egito”, brinca a cantora: “O título já entrega: Carnaval é a minha vida e alegria. É onde  mostro  o que nasci pra fazer”.

A agenda dela continua sábado (10), no Camarote Skol. Domingo (11), a loura sobe em um trio sem cordas no circuito Campo-Grande; já terça-feira (13) é dia do tradicional bloco Largadinho, que invade a avenida com Maiara e Maraisa. “Isso mostra a diversidade que é a nossa folia”, comenta a cantora.

No dia 17 de fevereiro, sábado após o Carnaval, ela leva o Largadinho para São Paulo, sua terceira casa (apesar de morar em Los Angeles, Claudia tem uma casa em Salvador e outra na capital paulista). O show acontece na data exata em que Claudinha fez seu primeiro show solo, no Rio de Janeiro, e reuniu mais de 1 milhão de pessoas: “Quando penso nesses dez anos, lembro de tantos momentos especiais! Mas dou destaque às pessoas: meus amigos, minha família, minha banda, meus fãs e todo esse respeito que construímos. A música, depois das pessoas, é o nosso patrimônio. Lembro ainda de cada história, de cada show e de cada pessoa cantando meus refrões. Tudo isso é um presente indescritível”.


Siga Claudinha na folia

8/2 (quinta-feira)

Pipoca: Abertura do Carnaval com Pitbull no circuito Barra-Ondina; será a primeira vez que eles apresentam a música Carnaval juntos.  Nesse dia, ela homenageia o  futebol brasileiro no figurino

9/2 (Sexta-feira)

Trio elétrico: Claudia sobe no Blow Out com Pitbull no circuito Barra-Ondina. O figurino do dia faz alusão ao futebol americano

10/2 (sábado)

Festa privada: A estrela fará show no Camarote Skol; no dia, ela usa figurino inspirado na Zumba

11/2 (domingo)

Pipoca: Ela desfila em um trio sem cordas no  Campo Grande. A roupa será inspirada na Fórmula 1


13/2 (terça-feira)

Bloco: Terça é dia do tradicional bloco Largadinho, no circuito Barra-Ondina, com Maiara e Maraisa. Nesse dia, ela encerra a participação no Carnaval de Salvador com  figurino inspirado no basquete 

17/2 (sábado)

Comemoração: Na exata data em que comemora dez anos de carreira, Claudia leva o Largadinho para a Rua 23 de Maio, em São Paulo

‘Eles me inspiram’, diz sobre público LGBT

Faltando 11 dias para o Carnaval, Claudia Leitte se apresenta na capital baiana neste domingo (29), às 16h, no Alto do Andu, localizado na Avenida Paralela, para a festa Cidade Elétrica. O evento, promovido pelo Grupo San Sebastian - dos produtores André Gagliano e José Augusto - vai celebrar a relação da cantora com o público LGBT.

“Sou muito grata ao público gay. Eles me inspiram e me acompanham há muitos anos. São pessoas com quem eu tenho grande conexão. Eu canto pela massa, mas grande parte dessa massa é LGBT. Assim como eu, eles buscam por liberdade e acreditam no amor. Eu acredito no amor, na igualdade de gêneros e acho que a vida é a arte do encontro. Me sinto muito honrada de tê-los comigo. Tudo que faço penso neles”, declara a cantora. 

Domingo (28), ela se junta à “rainha má” Daniela Mercury para fazer um aquecimento do Carnaval 2018 e dos blocos Blow Out, Largadinho (ambos de Claudia) e Crocodilo (de Daniela), antecipando o clima de folia soteropolitana. A aposta de Daniela para o Carnaval é a música Banzeiro, composição de Dona Onete. Ela não deixa de fora sucessos.  

Já Claudinha canta pela primeira vez o single Carnaval, além dos  hits Baldin de Gelo e Lacradora, gravado em parceria com as cantoras Maiara e Maraísa. “O show de Daniela é lindíssimo. É uma apresentação nova e muito bem ensaiada. O meu também traz o repertório mais atual. Estou muito feliz de voltar para a minha terra e poder apresentar pela primeira vez a música Carnaval. Foi aqui que tudo nasceu”, conta Claudia. Apesar de usar branco em suas apresentações há algum tempo, ela revela que nesse show, especificamente, trará figurino diferente e cenários tropicais. “Terá um painel de LED com algumas referências ao meu tema do Carnaval”, antecipa. Segundo Daniela, a festa terá um clima alegre e contagiante: “Falta pouco para esse dia mágico e histórico. Vai ser muito especial”, garante a cantora.

Cidade Elétrica – A Festa (Alto do Andu, Avenida Paralela). Domingo (28), às 16h. Ingresso: R$ 65 (pista), R$ 100 (front stage) e R$ 160 (camarote open). Vendas: San Folia

Cantora homenageia esporte em figurinos ousados

Com o tema Saúde, Claudia Leitte vai homenagear os esportes no Carnaval 2018. Ela aposta em looks leves, sensuais e com detalhes em pedrarias e cristais. Os figurinos que Claudia vai usar na folia são assinados pela estilista Patrícia Bonaldi, da marca PatBo. “Ela é mais que uma estilista maravilhosa. É uma artista que interpretou meu desejo de vender saúde por meio do esporte”, explica a artista.


A história começou com o convite do stylist Yan Acioli a Patrícia. “Tivemos a preocupação de fugir um pouco do clichê e elaborar figurinos que tivessem muitas informações de moda. Foi incrível porque nós três temos muita vontade de expressar nossas ideias e muito respeito pelo trabalho um do outro. Tudo tem a cara da Claudia, a forma como eu acredito em vestir uma mulher e o DNA da marca da Patrícia. Vai ser um gol”, opina Yan.

Patrícia inspirou-se na exuberância do corpo da brasileira para fazer os looks. “A construção arquitetônica da modelagem é o ponto alto das criações. Recortes estratégicos, jogos de transparência, pedrarias e muito tule compõem os figurinos que representam o mais novo segmento da marca, a PatBO Swim”, conta Patrícia, que apresenta um precioso trabalho de bordado, uma de suas marcas registradas.

No abertura do dia 8, Claudia veste um body verde e amarelo cheio de cristais e pedrarias para representar o futebol brasileiro – o bordado em ombrê foi inspirado nas camisas da seleção. No dia 9, sexta de Blow Out, o figurino faz alusão ao futebol americano, com o número 10 bordado com cristais, pérolas de vidro e pedrarias. Já sábado (10), no Camarote Skol, o tema é a Zumba - pensando nesse ritmo, foi desenvolvido um maiô dourado de um ombro só (foto). No domingo (11), o figurino de tule é inspirado na Fórmula 1. Para encerrar, no último trio em Salvador, terça-feira (13), a loira se apresenta em clima de basquete (foto) mirando a nostalgia e os uniformes dos anos 1970.