Carnaval

Sócio do Camarote Club, novidade do Carnaval, opina: "Temos que nos adequar"

Espaço é uma fusão entre os camarotes Cerveja & Cia e Reino

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Uma rápida olhada na programação do Carnaval de Salvador e é possível chegar a uma conclusão: os grandes artistas estão, cada vez menos, nas ruas. Se não estão fora de Salvador, eles estão nos grandes camarotes localizado, especialmente, no circuito Dodô (Barra/Ondina). Timbalada, Harmonia do Samba, Léo Santana, Psirico, Bell Marques, além de artistas de fora com Wesley Safadão, Anitta, Luan Santana e Aviões do Forró, são algumas das atrações desses espaços. Novidade na festa, o Camarote Club - uma fusão entre o Cerveja & Cia e o Reino - terá uma programação recheada que vai de Thuiago ao Dj Vintage, de Simone e Simaria até Safadão e Timbalada. 

Em conversa com o iBahia, um dos sócios do novo espaço, Nei Átila, não acredita que, mesmo com tanta atração de renome, a situação para os camarotes não precise de novidades. "Eu acredito os camarotes são os clubes de antigamente. Antigamente, de noite tínhamos os bailes nos clubes. O equipamento camarote é interessante também para que o destino de Salvador não deixasse de ser atrativo", opina. 

"O carnaval está passando por modificação como todo processo criativo industrial e a gente tem que se adequar para se reinventar. Temos que buscar novos modelos de carnaval e camarote, e a fusão para a chegada do Camarote Club já foi inovadora. Tomamos essa atitude para fazer uma coisa melhor. E os blocos também terão que se reinventar. Com a crise dos blocos a rua é enfraquecida, e isso também é ruim para os camarotes que precisam da varanda", concluiu. 

Novidade

Em 2017, quem passar pela Ondina vai ver uma estrutura ainda maior no local em que eram montados os camarotes Cerveja & Cia e Reino. Agora, os dois são um só, justamente o Camarote Club. A ideia, segundo Átila já existia há três anos. Sócio do Reino há 10 anos, o empresário acredita que o "fator novo" e "reinventado" será um dos diferenciais do camarote na folia.

Além disso, Nei destacou que a ideia foi juntar o melhor de cada camarote para chegar até o modelo atual. "O Reino sempre teve uma pegada de namoro, paquera. Já o Cerveja & Cia tinha uma glamourzição, era all inclusive - enquanto o Reino era só open bar", explicou.