Luz, Alfazema e Ação

Cinematógrafo encerra o mês de julho com sessão especial e presença do cineasta Edgard Navarro

'O Homem Que Não Dormia' será exibido dia 30 de julho, às 16h, no Cinema do Museu e conta com bate-papo após a sessão

Vanessa Aragão
27/07/2022 às 10h30

3 min de leitura
Imagem do longa ‘O homem que não dormia’ (Foto: Divulgação)

Iniciativa dos cineastas, pesquisadores e curadores Camele Queiroz e Fabricio Ramos, o Cinematógrafo promove ações mensais de cinema em Salvador, em parceria com o Circuito Saladearte. Para fechar o mês de julho, será exibido o filme “O Homem Que Não Dormia” (2012), de Edgard Navarro, cineasta que fez também o clássico do cinema baiano SuperOutro (1989). A sessão será no Cinema do Museu, às 16h e terá a participação do diretor e parte da equipe: as atrizes Mariana Freire e Evelin Buchegguer, os atores Bertrand Duarte e Fábio Vidal, além de Tuzé de Abreu, entre outros. A sessão especial Cinematógrafo propõe a exibição de filmes contemporâneos que tragam perspectivas políticas ou sociais, existenciais ou espirituais. 

“Para nós, Edgard Navarro é um cineasta de índole barroca, cujos filmes, em especial ‘O Homem Que Não Dormia’, expressam uma jornada sincrética, atravessada por uma mística afrocabocla tão telúrica quanto espiritualista, mesclando o folclore e a mitologia popular à reflexão existencial”, conta Fabricio. No longa, o diretor baiano evoca o seu próprio (e o nosso) imaginário cristão para promover uma jornada sincrética pelos vales e planaltos da Chapada Diamantina, trazendo o folclore e a mitologia popular à reflexão existencial.

Edgard Navarro (Foto: Leo Lara / Universo Produções)

Converter o cinema em espaço de encontro, de convivência, propenso ao diálogo crítico e ao pensamento. Esse é o objetivo do projeto, que, exibindo filmes que trazem a Bahia como temática, contribui para nossa compressão dela própria ao mesmo passo que reverencia os cineastas que vieram antes da gente e que abriram caminhos para a ebulição do cinema que temos hoje.   

* O Cinematógrafo foi criado por Camele Queiroz e Fabricio Ramos em 2016. Acontecia numa casa no Rio Vermelho, com filmes e bate-papos depois das sessões. Até que a Saladearte os convidou para uma parceria e as ações se multiplicaram: além da sessão Cinematógrafo, apareceram o Cinematografinho, que valoriza o protagonismo das crianças e a primeira experiência delas no cinema; o CULT e o Comédia, o Cine Cineasta, com ciclos (bimensais) de grandes nomes do cinema. Além dos Encontros Virtuais, que começaram na pandemia. Estes acontecem quinzenalmente às quartas-feiras, abertos e gratuitos. Para participar dos encontros virtuais, basta se inscrever no site https://cinematografo.art.br/.

Sessão especial Cinematógrafo

  • Quando? Dia 30.07 às 16h
  • Onde? Sala de Arte do Cinema do Museu (Corredor da Vitória)
  • Ingressos? R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia) // Estudantes secundaristas da rede pública: preço único R$ 8.
  • Vendas? os ingressos disponíveis na bilheteria do Cinema do Museu ou via Whatsapp da sala: (71) 99315-7956 (das 13h às 20h).

Leia mais sobre Luz, Alfazema e Ação no ibahia.com e siga o portal no Google Notícias