Coronavírus

Pandemia diminuiu dois anos na expectativa de vida do brasileiro

Estudo realizado pela Havard indica que a covid-19 fez com que o índice regredisse a níveis anteriores aos de 2013

Redação iBahia

A expectativa de vida do brasileiro diminuiu em dois anos por causa da pandemia do novo coronavírus, indica estudo conduzido pela Universidade Havard, nos Estados Unidos. De acordo com o Departamento de Saúde Global e População da instituição, houve uma redução média de 1,94 ano nesse índice. 

Para se ter uma idaide, este índice foi 72% maior do que o registrado nos Estados Unidos. Além dos americanos, fizeram parte do estudo pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O levantameto, no entanto, ainda não foi revisado por outros cientistas e, por isso, não foi publicado em nenhuma revista científica até o momento.

Para avaliar como a pandemia impactou a expectativa de vida as pessoas, tanto no nascimento, quanto aos 65 de idade, os pesquisadores utilizaram modelos matemáticos e fizeram os cálculos levando em consideração o gênero e a localidade dos participantes.

O brasileiro, nos´ultimos anos, havia ganhado uma média de 6,94 anos em expectativa de vida ao nascer. No entanto, a alta mortalidade impulsinada pela covid-19, diminuiu essa expectativa em 28%. Isso fez com que os níves desse índice no Brasil voltassem ao patamar de 2013.