Campus Party BA

Confira o que rolou nos quatro dias da segunda edição da Campus Party Bahia

Cinco mil campuseiros e 80 mil pessoas circularam pela Fonte Nova nos quatro dias

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Os soteropolitanos fãs de tecnologia e inovação tiveram mais uma oportunidade de ver de perto o melhor deste universo na segunda edição da Campus Party Bahia. Além daqueles que moram em Salvador, o evento atraiu um público de outras cidades da Bahia e também outros estados durante o dia 17 a 20 de maio. Cinco mil campuseiros e 80 mil pessoas passaram pela Arena Fonte Nova nesses dias.

Foto: Carol Dias / GOV BA
Foram quatro dias de programação, sendo 300 horas de conteúdo que envolveram palestras, desafios e workshops. Nesta segunda edição, uma das grandes novidades foi a internet ainda mais rápida: 20GB por segundo.

Espaço gratuito
Na Área Open, que já havia feito sucesso no ano anterior, os curiosos puderam conhecer projetos de startups, se divertir com o scape room e um jogo de realizado virtual. Uma das grandes atrações da área aberta foi o Trono do Sansão, personagem da Turma da Mônica.

A área também foi espaço para palestras gratuitas promovidas pelo Governo do Estado, com temas como Digitalismo por Elas, Esportes Eletrônicos e Energias Renováveis.

Mulheres presentes!
Um dos grandes destaques da Campus Party Bahia 2018 foi o relevante aumento na participação do público feminino. Entre as 40 comunidades presentes ao evento, muitas eram formadas apenas por garotas. Esse movimento culminou com um crescimento da presença feminina, que passou de 25%, em 2017, para 42% neste ano – número recorde em todas as edições da Campus Party já realizadas há 11 anos no Brasil.

Oportunidades

Foto: David Silva / iBahia
A Campus é também um espaço para mostrar ideias e produtos. O espaço Startups & Creators era voltado justamente para os interessados na divulgação de startups.

Além disso, projetos com o objetivo de ajudar uma comunidade também foram criados por jovens empreendedores e mostrados na Campus Party.

Na sexta-feira, por exemplo, estudantes do curso técnico de nível médio em Administração do Centro Estadual de Educação Profissional Empreende Bahia (CEEP) apresentaram produtos inovadores no evento. O espaço da Aceleradora Vale do Dendê ficou exposto o secador de toalha pós banho, um organizador e carregador e um apagador de quadro com spray.

Lançamento
Durante a Campus Party, a Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado (Secti), lançou a primeira edição do Atlas Solar da Bahia.

O Atlas tem como objetivo apresentar o mapeamento e análise do potencial da capacidade de geração de energia fotovoltaica em todo o território estadual. Vale lembrar que a Bahia é o estado brasileiro com maior capacidade de geração de energia fotovoltaica.

Lives
Assim como em 2017, o iBahia esteve presente na Campus Party trazendo nosso internauta para mais perto do evento. Em 11 transmissões ao vivo no Facebook, conversamos com cosplays, digital influencer, expositores e empreendedores, entre outros. Você pode conferir todo este conteúdo em facebook.com/portalibahia.
Foto: Carol Dias / GOV BA
Outros números
Entre os cinco mil campuseiros, teve quem optou por dormir nas barracas distribuídas no estacionamento da Arena Fonte Nova. Foram ao todo 3 mil barracas, sendo 2500 simples e 500 duplas.

429 palestrantes passaram seus conhecimentos durante os quatro dias de evento. 20 projetos universitários foram selecionados para participar do programa Campus Future. E 40 startups foram selecionadas no programa Startup&Markers.