Arte e Decoração

A sala clean de Nathalia Dill: veja formas de deixar o seu ambiente com uma decoração leve

No estilo minimalista, não há exageros. Tudo é prático e com linhas mais puras, o que proporciona uma sensação de aumento de espaço também

Douglas Alexandre e Guilherme Galvão, Agência O Globo

O programa “Conversa com Bial” recebeu Nathalia Dill, que celebra seus 15 anos de carreira e, na entrevista, fala sobre o mais novo trabalho, a comédia romântica “Um casal inseparável”. No bate-papo, a sala da atriz aparece como cenário, mostrando que ela prioriza uma decoração e mobiliários sem excessos, o que definimos como um ambiente clean, que em inglês pode ser traduzido como “limpo”.

Foto: Reprodução / TV Globo

Focamos nesse assunto na nossa coluna de hoje, porque percebemos que essa é uma tendência que muitos adotam na hora de decorar a casa. No estilo minimalista, não há exageros. Tudo é prático e com linhas mais puras, o que proporciona uma sensação de aumento de espaço também. Essa escolha é uma boa alternativa quando se busca algo prático e fácil de montar. Usando cores neutras, materiais como madeira, uma boa disposição dos móveis e poucos acessórios, você consegue trazer modernidade e atemporalidade para o local.

Ao lado, conferimos dois projetos que focam nessa pegada e mostram que ser clean é uma saída curinga para não errar ao decorar.

Foto: Raiana Medina / Divulgação

Menos é mais

Conhecida como “o coração da casa”, a cozinha ganha ainda mais destaque nesse projeto que apresentamos. Com vista para a Pedra da Gávea e para o mar da Barra da Tijuca, este apartamento foi projetado pelo escritório Memoá Arquitetos, das arquitetas Daniela Miranda e Tatiana Galiano. Nos 90m² usados para passar os fins de semana ou viagens de férias, a família paulista prezou principalmente pela vista e pela integração dos ambientes. Como o casal tem o hábito de cozinhar e receber amigos em casa, o principal pedido foi a ampliação da sala através da integração dela com a varanda e a cozinha, que se tornou a protagonista da área social. Neste novo contexto, o formato tradicional de sala voltada para a TV perdeu total mente a importância.

As arquitetas apostaram em um visual leve e praiano, sem abrir mão da modernidade. Desde o início, elas se preocuparam em deixar o apartamento com farta iluminação natural, em cores e acabamentos que o integrassem ao verde da Pedra da Gávea e ao azul do mar da Barra. Assim, conferiram o estilo clean e simples, mas sem deixar de ser sofisticado.

Foto: Denilson Machado / MCA Estúdio / Divulgação

Já no apartamento de 115m² no Leblon, bairro na Zona Sul do Rio, a arquiteta Gabriela Campos, da Alma Arquitetura, pensou num projeto para um advogado sem filhos. A sala é superampla e conta com muita luz natural. Em função da proximidade com a praia, a profissional optou por tons neutros para deixar os ambientes mais leves e reforçar a claridade desde sempre disponível.

No local, já existia o piso, também na paleta clara, que compôs o projeto da arquiteta. Já a base da paleta de cores do décor partiu da obra do artista Aécio Sarti, de Paraty, chamada “Jade”, exposta acima do sofá da sala de estar. A partir daí a arquiteta inseriu alguns detalhes em tons de rosa, ocre e verde azulado, sem pesar visualmente no espaço.

Ao longo de dois meses, Gabriela tornou real o sonho do cliente, que tinha também a premissa de um projeto clean e minimalista, pontuado pelos objetos e adornos em tons que destacassem o décor.

A coluna "Casa de Novela" é assinada pelo arquiteto e urbanista Guilherme Galvão e pelo engenheiro Douglas Alexandre.

Site: ggarquitetura.arq.br

Instagram: @2amarelos e @ggarquitetura.