Mundo

Abrigo para animais é acusado de sacrificar gatos por congelamento

Espaço foi denunciado por ex-funcionária

Fernando Moreira, da Agência O Globo

A polícia de Indiana (EUA) está investigando um bizarro caso de crueldade animal: funcionários do Spencer County Animal Shelter denunciaram que o abrigo para animais sacrificou gatos os congelando vivos.

De acordo com vários funcionários, o procedimento, para diminuir a superpopulação no local, foi realizado pelo menos em duas ocasiões. Bridgett Woodson, que trabalhou no abrigo por três meses e meio, contou ter sido chamada para participar da "matança" duas vezes - a mais recente delas em 31 de julho.

Foto: Reprodução

"Na primeira vez me disseram para pôr os gatos em um saco e colocá-los no freezer sem sedação, já que não sou veterinária", disse Bridgett, segundo reportagem da WEHT. A americana disse ter se recusado a participar da eutanásia nas duas ocasiões. Ela abandonou o trabalho e foi procurar a polícia.