Arte e Decoração

Acerte nas cores: arquiteta dá dicas para mudar a decoração da cozinha

A arquiteta Karina Korn garante que vale a pena deixar de lado os tons neutros e investir em uma paleta mais colorida para deixar o ambiente alegre, encantador e com muita personalidade

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Está reformando ou planejando mudar a decoração? Se o espaço for a cozinha, a arquiteta Karina Korn, garante que vale a pena deixar de lado os tons neutros e investir em uma paleta mais colorida para deixar o ambiente alegre, encantador e com muita personalidade.

Foto: divulgação / Pixabay
A especialista explicou que o primeiro passo é escolher uma cor principal para depois acrescentar as demais tonalidades. “A escolha do tom principal é importante para ser a base da paleta cromática e, assim, conseguirmos visualizar com mais precisão quais as demais cores que podemos adicionar a partir dela. Trabalho dessa forma para evitar que o ambiente fique exagerado e com muita informação”.

A presença das corres pode ser utilizada em diversos pontos do ambiente, desde a marcenaria, revestimentos, paredes, louças, objetos e, até mesmo, eletrodomésticos. “Vale usar a criatividade para explorar a melhor forma de transformar a cozinha em um ambiente colorido e harmonioso, oferecendo estilo e ousadia ao espaço”, conta Karina.

Karina Korn selecionou cinco cozinhas para ajudar você a se inspirar. Confira:
Ladrilho hidráulico (Foto: divulgação / Eduardo Pozella)
1. Ladrilho hidráulico: os ladrilhos hidráulicos estão sempre em alta e podem agregar muito estilo para a decoração das cozinhas. Neste projeto, assinado pela arquiteta Karina Korn, o revestimento de base artesanal foi o ponto de cor da cozinha prioritariamente neutra, trazendo estilo e leveza com o uso das cores e formatos geométricos das peças.

2. Leveza colorida

Após tirarem as paredes que a separavam da sala e quebrar a divisão com a lavanderia, as arquitetas aumentaram o tamanho desta cozinha e investiram em tons suaves para criar um ambiente colorido, mas que fosse também aconchegante e equilibrado. Assim, o azul clarinho com toque acinzentado reveste toda a marcenaria principal e transforma a cozinha em um ambiente minimalista e gostoso para conviver.     
Leveza colorida e Inspiração solar (Foto: divulgação / Julia Ribeiro e Luis Gomes, respectivamente)
3. Inspiração solar: os arquitetos Renato Andrade e Erika Mello receberam um pedido especial de sua cliente: uma cozinha solar, alegre e festiva. Assim, os profissionais logo optaram pelo amarelo como cor principal do ambiente, que aparece em diversos pontos, desde a bancada de laca amarela até o revestimento.

4. Geladeira vibrante: um estudo de cores deu vida a este projeto ousado assinado pela arquiteta Cristiane Schiavoni. Após investir no amarelo em parte da marcenaria, a profissional também optou por usar um adesivo do mesmo tom para revestir a geladeira, criando um ambiente super moderno e divertido.
Geladeira vibrante e Azul da cor do mar (Foto: divulgação /  Carlos Piratininga)
5.  Azul da cor do mar: a cozinha desta casa de praia é totalmente integrada com a sala de estar. Por isso, Cristiane Schiavoni escolheu usar uma só cor nas paredes dos dois ambientes. O escolhido foi um tom de azul vibrante que lembra a cor do mar e faz uma ótima composição com a base branca da cozinha, oferecendo uma decoração  uniforme e, ao mesmo tempo, alegre e agradável.