Notícias

Acusado de assassinar comerciante em Santa Inês é preso em Jequié

O crime aconteceu no Alto do Cemitério - o comerciante foi morto com seis tiros

Redação CORREIO (redacao@correio24horas.com.br)
- Atualizada em

Um homem acusado de ter assassinado um comerciante em Santa Inês, a 300 km de Salvador, foi preso na segunda-feira (5) em Jequié por policiais da cidade, que cumpriam um mandado de prisão preventiva. Anilton dos Santos Souza, 19 anos, é investigado pela morte de Tulio Micheli, 28 anos, no dia 28 de julho.


O crime aconteceu no Alto do Cemitério - o comerciante foi morto com seis tiros. Além de Anilton, outro homem, identificado somente como Bruno, é procurado pelo crime. Preso no bairro Vila Vitória, na periferia de Jequié, o criminoso foi encontrado com maconha.


Segundo as investigações, quando ainda era menor de idade, Anilton assassinou um primo em Santo Inês e chegou a cumprir medida sócio-educativa na Casa de Acolhimento ao Menor (CAM), em Salvador. Foi nesta instituição que ele conheceu Bruno, seu comparsa na morte do comerciante. Além disso, Anilton tem passagens pela polícia por tráfico de drogas e roubo contra aposentados.