Mercado Imobiliário

Ademi-BA lança plataforma digital para venda de imóveis

O novo site tem como objetivo facilitar o acesso do público ao lançamento de empreendimentos imobiliários

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

A Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário da Bahia (Ademi-BA) lançou nesta quinta-feira (27) o Portal M² Bahia. A nova plataforma funcionará como um ponto de venda fixo de imóveis novos, com condições especiais para os compradores.

A novidade foi divulgada pela Ademi-BA no Memorial da Medicina Brasileira (antiga Faculdade de Medicina da Bahia), no Terreiro de Jesus, que recebeu a primeira edição do 'Ademi Realiza'. O site é uma aposta feita pela Associação na campanha da Semana M², realizada no primeiro semestre deste ano.

Claudio Cunha, presidente da Ademi, falou sobre as novidades envolvendo a Associação. (Imagem: Divulgação)
O presidente da Ademi-BA Claudio Cunha afirmou que o lançamento do site tem o objetivo de simplificar o modo do mercado comercializar os seus imóveis, além de entrar na tendência de consumo do público.

“Antes os sites de imóveis novos serviam como um catálogo, apenas expondo os empreendimentos, no Portal M² Bahia, o cliente ficará mais próximo da incorporadora podendo encaminhar todo o negócio com a comodidade do meio digital”, diz ele.

Os anúncios na plataforma digital seguem estratégias de marketing digital que incluem eles pelas ferramentas de busca do Google e páginas de redes sociais. Além disso, o site vai gerar relatórios mensais apresentando as características mais desejadas nos imóveis pelos usuários.

Outra novidade é o Aplicativo Ademi, que reunirá informações do mercado e dos eventos,

acesso à pesquisa e a possibilidade de realizar doações para

instituições de cunho social.

Ações sociais
No evento, a Ademi apresentou novidades no campo das ações sociais. Uma delas é o selo de responsabilidade social que promove intervenções junto a organizações filantrópicas, como do desenvolvimento do plano diretor na sede do Instituto de Cegos da Bahia e a parceria com o Instituto Antônio Carlos Magalhães, no projeto Bahia Revoluções Criativas.

A Associação tem a parceria da Rede Bahia há alguns anos e agora tem o objetivo de ajudar o Instituto ACM. “A Ademi se aproximou do Instituto ACM e foi fundamental com a contribuição em recursos para o fortalecimento desse trabalho que beneficia diretamente 80 designers, costureiras e artesãos”, explica a superintendente do IACM, Claudia Vaz.

Outra ação foi o “almoxarifado virtual”, que será uma plataforma da Ademi para unir as empresas associadas e entidades sociais. A ideia é que materiais excedentes das obras sejam doados para utilização em benfeitorias para as sedes das organizações filantrópicas.

A terceira novidade é o "Aniversário Solidário", que permite aos associados sugerir aos seus amigos que façam uma doação para instituições de cunho social, através do portal da Ademi em comemoração ao seu aniversário.