Economia

Alimentação fora de casa corresponde a 25% da renda do brasileiro

Restaurante especializado em comida caseira serve mais de 2000 refeições diárias

Dino


O hábito de se alimentar fora de casa tem sido cada vez mais incorporado ao dia a dia da população. Segundo dados do IBGE, o brasileiro gasta cerca de 25% de sua renda com alimentação fora do lar. A associação de Bares e Restaurante (ABRASEL) estima que o setor represente 2,7% do PIB brasileiro. Já a Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (ABIA) destaca que o setor tem crescido a uma média anual de 14,2%.


O crescente hábito de se alimentar fora de casa durante a semana favorece - e muito - quem atua na área alimentícia. Como o restaurante Fogão a Lenha, estabelecido há 20 anos em Americana, serve mais de 2000 refeições diárias, nas quatro unidades da rede. A marca construiu sua história com uma administração familiar, prezando por uma culinária autêntica, com sabor de comida caseira e preço acessível.


O almoço, servido nas opções self-service, prato-feito e marmitex, agrada aos mais diversos paladares. O buffet oferece mais de 20 tipos de saladas e 25 pratos quentes. Os destaques ficam por conta da variedade de massas, guarnições e pratos especiais, como a feijoada, frango caipira com polenta, rabada, frango assado, salmão e filé mignon, servidos em dias específicos da semana. As unidades do Fogão a Lenha funcionam de segunda a sábado, das 11h às 14h30, apenas a unidade 02 funciona de segunda-feira a domingo.