Eleições 2018

Após ser internado, Ciro Gomes deve ter alta até 15h e participar de debate

Ciro deu entrada no hospital no fim da tarde de terça-feira (25), com desconforto na região da bexiga

Agência O Globo
- Atualizada em

Após passar por um procedimento médico na próstata na tarde de terça-feira (25), o candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, deve deixar o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, até as 15h, segundo sua assessoria de imprensa. O candidato não sentiu dores durante a noite e deve ter alta no início da tarde. Do hospital, ele deve seguir para o debate com candidatos à Presidência promovido por "SBT", "Folha de S.Paulo" e "UOL".

Foto: Reprodução

Mais cedo, a equipe de Ciro previa que ele saísse do hospital antes do meio-dia e fosse para casa descansar antes do debate. A ideia foi revista durante a manhã.

Ciro deu entrada no hospital no fim da tarde de terça, com desconforto na região da bexiga. Segundo boletim médico divulgado pelo hospital às 10h40, o paciente tinha "quadro de sangramento urinário espontâneo, relacionado com crescimento benigno da próstata."

No começo da noite, passou por um procedimento de cauterização de vasos da próstata, realizado com pelo médico urologista Miguel Srougi. Segundo o boletim médico, "no futuro, talvez, torne-se necessária novas avaliações para se evitar repetição de episódios semelhantes".

Ciro passou a noite acompanhado de sua mulher, Giselle Bezerra, e de seu filho mais velho, Ciro Saboya Ferreira, o Cirinho. Pela manhã, Ciro ainda recebeu a visita de outro filho, Yuri.

Uma visita médica foi realizada às 6h, constatou que estava tudo dentro da normalidade. "O paciente encontra-se bem e deve receber alta hospitalar ainda hoje, caso mantida sua boa situação clínica".

Devido ao episódio, a equipe do candidato avalia cancelar a agenda prevista a manhã desta quinta-feira em Minas Gerais.