Especiais

Argentina 1 x 0 Bélgica: Higuaín garante a classificação para a semifinal

Belgas fazem pressão nos acréscimos, mas não resistem e dão adeus ao Mundial

- Atualizada em

Redação Goal
A Argentina venceu a Bélgica na tarde deste sábado pelas quartas de final da Copa do Mundo, e está de volta a semifinal de um Mundial após 24 anos. Agora, os hermanos esperam o vencedor do confronto entre Holanda e Costa Rica, que se enfrentam ainda neste sábado às 17h, em Salvador. A semifinal será disputada na próxima quarta-feira, na Arena Corinthians, em São Paulo.

Veja também:
Triste, Neymar fala pela primeira vez após lesão: "me tiraram o sonho de disputar uma final de Copa do Mundo"
Torcida holandesa dá início à 'marcha laranja' no Pelourinho
Marcelo perde o avô, e permanece concentrado na Granja Comary
"A Alemanha não tem um craque como Neymar", diz Podolski
Felipão se irrita com lesão de Neymar
Com jogo na Arena, Salvador tem mais um dia de Fan Fest e de marcha holandesa

O JOGO
As duas equipes começaram a partida e se estudavam, tentando manter a posse de bola. Mas os hermanos abriram o placar logo no início do primeiro tempo com Higuaín. Aos sete minutos, Di María tentou passe para Zabaleta, a bola desviou em Vertonghen e sobrou limpa para o atacante bater de primeira, sem chance de defesa para o goleiro Courtois. Golaço.

A Bélgica só foi assustar aos 26 com De Bruyne. Romero rebateu esquisito e por sorte, Origi não chegou na bola. Dez minutos depois, a Argentina assustou novamente os belgas.

Messi driblou Witsel e Fellaini, e sofreu falta na entrada da área. Na cobrança, o craque do Barcelona tirou da barreira e mirou o ângulo esquerdo de Courtois, mas a bola passou por cima do gol.

Antes do intervalo, Mirallas teve uma ótima chance de empatar a partida. Vertonghen cruzou e o atacante chegou sozinho no meio da defesa, mandando com muito perigo para fora.

Na segunda etapa, Higuaín começou assustando os belgas. Aos cinco, o atacante chegou na linha de fundo, invadiu a área e tentou o chute cruzado. A bola desviou em Van Buyten e quase matou o goleiro Courtois.

A resposta da Bélgica não demorou. No contra-ataque, De Bruyne lançou para Hazard, mas não dominou bem a bola e perdeu uma boa jogada. Na sequência, Higuaín partiu em velocidade, tocou entre as pernas de Kompany e bateu com força na saída de Courtois. A bola foi no travessão.

Já nos acréscimos a partida ganhou emoção. Primeiro, Messi partiu em velocidade, ficou cara a cara com Courtois, mas o goleiro da Bélgica fez uma grande defesa. Em seguida, Lukaku recebeu na área, tentou o toque para o meio, mas Garay esticou a perna para salvar a Argentina. Na sobra, Witsel chutou para fora. Com o placar, é a primeira vez na história em que Brasil e Argentina chegam juntos às semifinais da Copa do Mundo.