Educação

Aulas remotas da rede municipal começam nesta segunda (22)

Neste ano, uma das principais novidades é o continuum curricular 2020/2021

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

As aulas remotas da rede municipal de ensino de Salvador em 2021 começam nesta segunda-feira (22). Neste ano, as principais novidades são o continuum curricular 2020/2021, o aumento do número de canais abertos do Nossa Rede na TV e a expansão das teleaulas para os alunos do Ensino Fundamental I (do 1º ao 5º ano) e da Educação de Jovens e Adultos I (EJA I).

A Secretaria Municipal da Educação (Smed) renovou a parceria com a TV Aratu para manutenção dos canais 4.2 e 4.3, utilizados para veicular as teleaulas em 2020. Além disso, firmou convênio com a Câmara Municipal de Salvador para inserir mais um canal digital ao Nossa Rede na TV, nesse caso o 12.3.

Dessa forma, em 2021, cerca de 116 mil alunos serão beneficiados com as aulas pela televisão. “Com as ações da Smed para consolidar e ampliar o Nossa Rede na TV, conseguiremos triplicar o número de estudantes atendidos por esse projeto. Isso é fundamental, porque as teleaulas compõem uma parte importante da rotina diária de estudos”, afirma Marcelo Oliveira, secretário municipal da Educação.

O gestor frisa que as aulas na TV são parte da rotina. No entanto, o programa de ensino/aprendizagem do continuum 2020/2021 é bem mais amplo e prevê a aplicação de atividades diárias através de blocos de atividades, aulas síncronas e assíncronas, realização de experimentos e leituras, entre outras.

“A rotina de aulas foi construída em um trabalho colaborativo, que envolveu as equipes técnicas da secretaria, das gerências regionais, de professores e da APLB. O resultado foi um trabalho muito bem estruturado, que trará avanços no aprendizado, mesmo nesse contexto de pandemia que estamos vivendo”, diz Oliveira. Ele lembra que o protocolo pedagógico para o retorno às aulas presenciais também está todo estruturado.