Economia

Caixa Econômica atualiza aplicativo de FGTS e trabalhador pode ver extrato de até 25 anos

Aplicativo está disponível para Android e iOS

Agência O Globo

O aplicativo FGTS da Caixa Econômica Federal passou por uma atualização e, agora, permite ao trabalhador consultar o extrato com os lançamentos em sua conta vinculada ocorridos nos últimos 25 anos, e não somente nos últimos seis meses.

Foto: Reprodução
Além disso, a ferramenta informa o valor de Fundo de Garantia para efeito de declaração de Imposto de Renda, como saques efetuados no ano-calendário de 2017, a serem informados na ficha "Rendimentos Isentos e Não Tributáveis".

A ferramenta ainda permitia ao trabalhador atualizar seu endereço e consultar o Certificado de Regularidade do FGTS (CRF) do empregador.

O aplicativo está disponível para download na Apple Store (para smartphones com sistema iOS) e Google Play (sistema Android). Quem já tem a ferramenta instalada em seu celular deve apenas atualizá-la para ter acesso aos novos serviços.

Para acessar o app pela primeira vez, é preciso informar o número do NIS (Número de Informação Social PIS/Pasep) e uma senha criada na própria ferramenta. O NIS consta do extrato do FGTS, da carteira de trabalho e do Cartão do Cidadão, ou pode ser solicitado diretamente ao empregador.


Para criar a senha, basta clicar no botão “Primeiro acesso” e informar os dados pessoais. Para quem já é usuário, a senha é a mesma já utilizada.