Notícias

Canoa com quatro pessoas vira em rio na Bahia; uma pessoa está desaparecida

Ângelo Marcos Machado, 24 anos, é morador de Feira de Santana e não sabia nadar

Bruno Wendel, do Correio 24h
Uma pessoa está desaparecida depois que uma canoa virou com quatro pessoas na cidade de Governador Mangabeira, recôncavo baiano, no início da noite deste domingo (28). Ângelo Marcos Machado, 24 anos, é morador de Feira de Santana e não sabia nadar. 
“Ainda não sabemos as circunstâncias do acidente, mas estamos aguardando um relatório do Corpo de Bombeiros que continua as buscas por Ângelo”, disse o delegado Luiz Castro Freaza, titular da Delegacia de Governador Mangabeira. 
A canoa virou na zona rural de Cipoal, por volta das 18h, no Rio Paraguaçu. Segundo a polícia, os quatro não sabiam nadar. “Não sabemos ainda como os outros conseguiram se salvar, já que também não sabem nadar. O que colhem os até agora, são informações de moradores da região”, disse o delegado. 
A polícia foi informada que momentos antes do acidente, as quatro vítimas foram vistas bebendo. “ Populares disseram que eles fizeram uso de bebida alcoólica antes de entrarem na canoa”, contou o delegado.    
Os sobreviventes ainda não foram ouvidos. “Eles ainda estão no momento de estresse, mas deverão ser interrogados até amanhã e as informações certamente poderão ajudar nas investigações”, pontou o delegado. 
Afogamento 
Para o delegado, a probabilidade de Ângelo Marcos estar vivo é pouca. “Como ele não sabia nadar, provavelmente começou a se debater na tentativa de ir contra a corrente e acabou se afogando. Nessa condição, dificilmente o enocntraremos com vida”, declarou o delegado.
As buscas são realizadas por equipes do 3º Subgrupamento de Bombeiros Militar (3º SGBM). Até a manhã desta segunda-feira, Ângelo não foi encontrado.