Arte e Decoração

Casa é para relaxar: veja sete dicas para a iluminação te ajudar nisso

Tipo de lâmpada escolhida influencia bastante na sensação do ambiente

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Em uma rotina de tensão e muito trabalho, a casa se torna um porto seguro e de calmaria. Mas, para isso, é preciso criar um ambiente propício, e que depende diretamente da luz a qual o local será submetido. Com isso, a Yamamura separou sete dicas para criar um ambiente perfeito para relaxar em casa.

1- Aposte em uma iluminação mais amena, que não atrapalhe ou canse o olhar durante esses momentos. Neste caso, as luminárias dimerizáveis (em que é possível ajustar e controlar a intensidade da luz) são as mais recomendadas. Luzes de apoio como arandelas, abajures, luminárias de piso ou mesa são igualmente indicadas.

2- Dê preferência às lâmpadas com temperatura de cor branco quente (2700K a 3000K), que propicia a sensação de aconchego e calmaria. Evite luzes com mais de 3000K, pois são mais recomendadas para momentos de concentração, quando se faz necessária uma atenção mais dedicada para o estudo ou atividades profissionais, por exemplo.

3- Escolha peças de iluminação com luzes indiretas (aquelas que difundem a luz por meio de um anteparo), pois auxiliam na conquista do almejado clima de bem-estar. Um exemplo são as peças com cúpulas, como os abajures. Fuja de luzes diretas logo acima da cabeça, pois causam desconforto.

4- Utilize luminárias que remetam a aspectos da natureza, como por exemplo, com o uso de materiais como madeira e pedras naturais.

5- Abuse do verde! Plantas e flores são sempre boas opções para trazer um pouco da natureza para perto de nós. Em áreas internas, durante o dia, procure deixar as plantas mais próximas das janelas ou áreas abertas (respeitadas às particularidades de cada espécie). Durante a noite, momento das luzes artificiais, a tecnologia LED pode ser adotada, pois ela não emite calor, favorecendo para que pétalas e folhas não sejam queimadas. E, claro, dê preferência a temperatura de cor branco quente, que é mais leve e deixa o visual mais atrativo.

6- A cromoterapia é a prática pseudocientífica capaz de utilizar as diferentes cores da luz no tratamento de diversos problemas. Por isso, a iluminação certa pode ser a solução perfeita para reequilibrar e harmonizar as energias, algo essencial para nossa saúde física e mental! No exemplo abaixo, alguns produtos da Yamamura no sistema RGB, que realiza uma série de combinações de cores diferentes.

7- Que tal investir em automação? É uma ferramenta prática para a criação de cenários luminosos pré-programados, com cenas diferentes, além de realizar a dimerização (controle da intensidade da luz). Tais mudanças cooperam, até mesmo, para a melhora da respiração durante a meditação, na troca de movimentos e uma melhor concentração/introspecção.