Arte e Decoração

Cômodo disputado: confira cinco dicas para iluminar a sua sala de TV

Iluminação ajuda a criar o ambiente mais confortável para aproveitar a telinha

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Podemos dizer que a sala de TV é um dos principais lugares da casa. Nele dá para reunir a família para um filme, ou assistir a um telejornal ou até mesmo um jogo de futebol. Para tornar o ambiente confortável, vale se preocupar com alguns fatores, como por exemplo a iluminação.


Seja a luminária, a posição ou o tipo de luz, todas essas decisões condicionam uma melhor experiência na hora de relaxar para assistir algo na telinha. A Yamamura, megastore referência em iluminação, traz dicas importantes sobre a luminosidade deste ambiente.



1- Temperatura e Intensidade da Luz

Utilize apenas a temperatura de cor branco quente (de 2700K a 3000K) e lâmpadas de menor intensidade para garantir um maior conforto visual. Para quem prefere versatilidade ou divide a sala de TV com outros ambientes, a dimerização (regulagem da intensidade da luz) ou a automação podem ser boas pedidas, por meio de peças específicas com essa função.


2- Tipo e Direcionamento de Luz

A recomendação é sempre pela luz indireta nessas ocasiões (ou seja, aquela em que a luminosidade é rebatida e depois se espalha). Evite qualquer tipo de luz direta, principalmente em cima do sofá, dos moradores, ou em frente à TV, para evitar o ofuscamento, reflexos e desconforto. Dê preferência à instalação de peças nas laterais de paredes, do teto ou do piso. 


3- Peças mais indicadas

Sabe aquela luminária de piso que está esquecida em algum canto da sua casa? Ela pode ser uma grande aliada para trazer uma luz suave para assistir filmes e séries. Além dela, outras peças bem-vindas para o espaço são plafons, arandelas, spots ou pendentes, dando preferência à luz indireta.


4- Doses de Aconchego

Outra boa ideia é deixar apenas pontos secundários de iluminação acesos, como pequenos spots, arandelas ou uma delicada luminária de piso, ao contrário da luz central e principal do ambiente (geralmente vinda de plafons ou lustres). Assim, deixe que esses pontos menores formem sombras e tornem o espaço mais escuro e aconchegante. Eles são perfeitos para a ocasião.


5- Abuse da Criatividade

Que tal criar um ambiente cenográfico? Para isso, evidencie alguns detalhes da decoração, como texturas, prateleiras ou objetos decorativos. Para criar esse efeito, nos cantinhos que deseja valorizar, instale spots com trilhos direcionáveis ou perfis de led em nichos.