Arte e Decoração

Confira dicas de artigos para decoração encontrados na Feira de São Joaquim

Arquiteto Márcio Barreto indica oito itens à venda que misturam criatividade e regionalidade

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Para aqueles que estão com saudade de andar pela Feira de São Joaquim à procura de artesanatos, já podem preparar e guardar uma lista de dicas. Isso porque o arquiteto baiano Márcio Barreto reuniu orientações sobre itens de decoração disponíveis no local e que misturam criatividade, regionalidade, além de boas oportunidades.

Com o objetivo de guiar o consumidor em meio à grande variedade de produtos, Márcio separou oito sugestões com os melhores artigos à venda na popular feira da Cidade Baixa. Confira abaixo:

Cestas de palha e pratos cerâmicos 
Segundo o arquiteto, um ‘mix’ de cestos de palha e pratos cerâmicos ( itens de fácil encontro na Feira de São Joaquim)  ficam ótimos se colocados na parede. “Sempre pense em todas as possibilidades quando for comprar as mercadorias. Itens decorativos, como cestas e pratos, são fáceis de serem retirados e reorganizados, possibilitando mudar o visual do espaço com frequência”, explica. 

Plantas suculentas
“Que tal trazer o verde para a sua casa, mesmo você que não tem tanta intimidade em cuidar de plantas? Monte um minijardim de suculentas usando os cestos de palha trançados. Por não precisarem de regas frequentes, o cuidado maior será levar todas as plantas juntas para tomar sol na varanda”, recomenda Márcio. 

Gamelas de madeira 
“Gamelas de madeira como centro de mesa são ótimas. Além disso, elas também podem estar sobre um móvel próximo à porta de entrada e servirem como guarda das chaves e correspondência. Super funcional, você poderá literalmente arremessar as chaves sem problemas”, brinca Márcio. Em seguida, ele explica: “a madeira ajudará a abafar o som do impacto e não danificará a mesma”.

Tecidos coloridos 
Segundo Márcio, tecidos coloridos podem ser emoldurados ou mesmo colados na parede, levando cor às residências. “A aplicação de tecidos na parede é super simples, utilizando apenas uma mistura de cola branca e água. Os tecidos estampados precisam de atenção redobrada nas emendas pois os desenhos precisaram encaixar perfeitamente, mantendo dessa forma a sensação de continuidade”, diz. 

Vasos, escultura e namoradeiras personalizadas 
“Vasos, esculturas, pratos e a famosa Namoradeira, são em sua maioria artigos vendidos no acabamento natural ou com algum detalhe colorido. Talvez você imagine que eles não caibam na decoração da sua casa, pois são itens com acabamento rustico e sua decoração é mais rebuscada. Entretanto, já pensou em comprar uma peça dessas e pintar com tinta spray dourada ou prata? Se o estilo da sua casa for mais descolado, o preto fosco dará um efeito lindo à escultura”, conclui o arquiteto.