Fitness

Correndo e sem perder peso? Veja 5 erros que estão te prejudicando

Modificou a dieta, inseriu atividade física na rotina, mas não consegue perder peso? Confira solução

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Mudou a alimentação, incluiu a corrida na rotina, mas não perdeu peso? Alguns erros inconscientes podem estar te prejudicando na luta contra a balança. Confira os 5 deslizes selecionados pela revista 'Vogue' são prejudiciais para quem quer perder peso:

1. INGERIR MAIS CALORIAS DO QUE PRECISA

Mesmo que você esteja correndo quatro vezes por semana, se não estiver ingerindo menos calorias do que gasta, o resultado vai ser manutenção ou ganho de peso. A matemática é queimar mais do que ingerir. Evite as "pisadas na jaca" após treinos.

2. NUNCA AUMENTAR A DISTÂNCIA DAS CORRIDAS
Se você já está correndo há alguns meses e não notou nenhuma diferença na balança é possível que você esteja correndo "pouco". Se correr 30 minutos três vezes por semana não está fazendo diferença, busque aumentar a frequência semanal e o tempo de cada treino, buscando evoluir no esporte (e na dieta). Lembre-se: deve-se queimar mais do que se ingere para perder peso.

3. INGERIR BEBIDAS MUITO CALÓRICAS DURANTE O TREINO
Especialmente se você estiver correndo longas distâncias, é comum utilizar suplementos (como gel de carboidrato e bebidas esportivas) durante o treino. Mas cuidado: elas só se fazem necessárias se você for correr por 90 minutos ou mais – menos que isso, só água já basta.

4. FAZER SEMPRE O MESMO TREINO
Se você sempre corre a mesma distância no mesmo ritmo, é provável que seu corpo comece a ficar acostumado demais – e progredir fica mais difícil. Isso porque seu corpo passa a ser mais eficiente na corrida, além de precisar gastar menos calorias durante o treino; por esta razão, é essencial que se inclua treinos intervalados e/ou de maior distância na rotina semanal.

5. SOFRER LESÕES
É muito comum que, quando lesionados, os corredores mantenham os mesmos hábitos alimentares que possuíam quando estavam ativos – mas sem poder praticar nenhum exercício físico. Ninguém fica lesionado por vontade própria, é verdade; mas existem várias maneiras de evitar uma lesão. Alongamento antes e depois da corrida; exercícios de fortalecimento (principalmente do core, quadril e pernas); utilizar tênis apropriados; e 'ouvir' seu corpo quando ele dá sinais de cansaço.