Salvador

Criador de "A Voz da Comunidade" no Complexo do Alemão vem à Salvador

Renê Silva que ficou conhecido por relatar os passos da ocupação policial no Complexo do Alemão em 2010, no Rio de Janeiro, participará de atividades voltadas às periferias

Da Redação
- Atualizada em
Renê tinha 17 anos quando criou o twitter
"A Voz da Comunidade" em 2010, que já alcançou
22 mil seguidores

O jovem carioca, Renê Silva, que relatou através do twitter, o passo a passo da invasão da polícia ao Completo do Alemão, no Rio de Janeiro em 2010, vem à Salvador para participar de atividades em comemoração aos sete anos do Instituto Mídia Étnica (IME), nos dias 13, 15 e 16 de outubro.


No dia 13, Renê irá visitar a comunidade de Sussuarana para conhecer o Grupo de Comunicadores Jovens Mídia Periférica, que realiza um projeto de valorização das periferias para dar visibilidade as comunidades de Salvador, utilizando fotos dos bairros da capital para transformá-las em cartões postais.


Já no dia 15, será realizado um debate no auditório Nilda Spencer, no Conselho Estadual de Cultura, no bairro do Campo Grande, com o tema "Mídia Comunitária e Mídia Tradicional: um diálogo possível?". Além da participação do jovem Renê, idealizador do twitter "A Voz da Comunidade" que alcançou a marca de 22 mil seguidores após relatar a operação policial, o evento contará com o coordenador do Mídia Periférica e blogueiro do iBahia, Enderson Araujo, além de um representante do portal Nordeste Eu Sou, do bairro de Nordeste de Amaralina e representantes do portal Correio Nagô.


Mas, a apresentação oficial do Correio Nagô, será realizada no dia 16, no encontro do IME e agências de publicidade baianas, com o intuito em discutir a criação de um novo mercado consumidor negro. A mesa será composta por Renê Silva, o consultor do Instituto Data Popular e cientista político, João Paulo Cunha, com o apoio da Secretaria Estadual de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) e do Fundo Baobá. Maiores informações através do próprio portal.