#todosjuntos

Crianças fazem 'pracinha virtual' para matar saudades dos colegas durante quarentena

Para diminuir a saudade dos pequenos, um grupo de pais de São Paulo resolveu juntá-los em uma vídeo chamada

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Encontrar os colegas na escola e os vizinhos no play do prédio ou a pracinha do bairro fazia parte da rotina de muitas crianças. Com a quarentena imposta pelo Coronavírus, esses lugares foram substituídos pela sala de casa sem a presença dos amigos. Para diminuir a saudade dos pequenos, um grupo de pais de São Paulo resolveu criar uma "pracinha virtual" e juntar novamente as crianças.

Os pequenos estudavam juntos e iam quase semanalmente para a pracinha do bairro, na Mooca, em São Paulo. Agora, a internet ajuda a diminuir a distância entre eles. "Como tenho usado diariamente aplicativos para reuniões de trabalho e para me comunicar com meus colegas nesse período em que estou trabalhando remotamente, pensei: por que não usar a mesma ferramenta e proporcionar um encontro social das crianças?", contou Érica Bortolotte à Revista Crescer. Ela é mãe de Arthur, de 6 anos. 

"Ele adorou a ideia, acho que por dois motivos principais. Primeiro, pela imitação, porque poderia fazer algo 'igual à mamãe', e, segundo, pela comunicação com os amigos mesmo, de contar como estão sendo os dias, mostrar os brinquedos, compartilhar brincadeiras", completou.



Ao todo, 10 crianças participaram do "encontro na pracinha". De acordo com Érica, o momento foi positivo para as crianças e também para os pais, que acabaram tendo um momento de descanso. " Pedem, constantemente, por companhia e brincadeiras, o que nem sempre podemos atender porque, mesmo em casa, estamos trabalhando. No fim, foi bem legal vê-lo tendo o momento dele, com os amiguinhos dele, e aliviando um pouco esse momento de isolamento", finalizou em entrevista à revista.