Carros

Dicas para não cair em pegadinhas quando levar o carro na oficina

Se você não é um entendido de mecânica é complicado saber se é tudo conversa mole ou se precisa ser consertado

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Uma situação bem comum: ao levar o carro para uma oficina para fazer um determinado reparo, o mecânico apresenta uma outra lista de reparos que devem ser feitas no seu carro. Mas se você não é um entendido de mecânica e automotores é complicado saber se é tudo conversa mole ou se precisa sim ser consertados.

Para se livrar dessa situação, tem algumas dicas que podem ajudar. Primeiro é ideal perguntar quanto tempo o carro consegue rodar apesar do defeito. Sem desespero e sabendo que ainda dá para esperar, você provavelmente não será enrolado.


É bem comum que, após trocar a peça, os mecânicos não devolvam a trocada. Então, peça para levá-la embora. Dessa forma, a chance de cair em um golpe é menos. E lembre-se: se seu carro passa por revisões constante, é muito mais difícil que ela tenha inúmeros problemas. Por isso, desconfie. Por fim, o ideal é ter um mecânico de confiança que vai te indicar exatamente o que o carro precisa.